Clique aqui para exibir SEUS banners nesta página e pague apenas pelo sucesso

Breaking Travel News . Viagem de negócios . País | Região . Notícias do Governo . Saúde . 日本 . News . Segurança . Turismo . Notícias de viagens . TENDÊNCIA . Diversas Notícias

Vacina Moderna COVID-19 suspensa no Japão após duas mortes

Vacina Moderna COVID-19 suspensa no Japão após duas mortes
Escrito por Harry johnson

O ministério da saúde do Japão confirmou que dois indivíduos que foram vacinados com as doses do lote morreram.

  • Substâncias estranhas foram encontradas em vários lotes de vacinas.
  • O governo japonês descobriu a contaminação no fim de semana.
  • A contaminação pode ser devido a uma falha de fabricação em uma das linhas de produção, diz Moderna.

O governo japonês suspendeu o uso da vacina Moderna COVID-19, após a morte de duas pessoas que morreram após receber vacinas de lotes que as autoridades japonesas chamam de 'contaminados'.

Milhões de doses do Moderna COVID-19 foram suspensas depois que substâncias estranhas foram encontradas em vários lotes.

Autoridades de saúde japonesas descobriram a contaminação no fim de semana em um lote de Moderno Vacina COVID-19 na prefeitura de Gunma, perto de Tóquio, forçando as autoridades a suspender temporariamente a vacinação.

A decisão de suspender um total de 2.6 milhões de doses do Vacina Moderna vem depois que 1.63 milhão de tiros foram interrompidos na semana passada após a descoberta de contaminantes em alguns frascos em um lote que foi enviado para mais de 860 centros de vacinação em todo o país.

Embora a origem da contaminação não tenha sido confirmada, a Moderna e a farmacêutica Rovi, que fabrica as vacinas Moderna, afirmaram que pode ser devido a uma falha de fabrico numa das linhas de produção, e não a qualquer coisa mais preocupante.

日本O ministério da saúde confirmou que dois indivíduos que foram vacinados com as doses do lote morreram. No entanto, a causa da morte em ambos os casos está sob investigação e as autoridades afirmam que nenhuma preocupação de segurança foi identificada ainda. Em um comunicado, a Moderna e o distribuidor japonês Takeda afirmaram que “não temos nenhuma evidência de que essas mortes sejam causadas pela vacina Moderna COVID-19”.

Gunma é agora a sétima prefeitura japonesa a descobrir contaminantes em doses da vacina Moderna, após incidentes semelhantes em Aichi, Gifu, Ibaraki, Okinawa, Saitama e Tóquio. Isso ocorre no momento em que o Japão enfrenta uma onda de casos de COVID-19 que colocou quase metade das prefeituras do país em estado de emergência.

Desde o início da pandemia, o Japão registrou 1.38 milhão de casos confirmados de COVID-19 e 15,797 mortes pelo vírus. Até agora, as autoridades japonesas administraram 118,310,106 doses de uma vacina COVID-19. 

Notícias relacionadas

Sobre o autor

Harry johnson

Harry Johnson foi o editor de atribuição de eTurboNews por mais de 20 anos. Ele mora em Honolulu, Havaí, e é originário da Europa. Ele gosta de escrever e cobrir as notícias.

Deixe um comentário

Compartilhar com...