Leia-nos | Nos escute | Assista-nos |Eventos | Inscreva-se | Nossa mídia social|

Selecione seu idioma

Todos os suspeitos presos são acusados ​​de planejar um ou mais ataques terroristas ou de tentar participar de atividades terroristas

Imprimir amigável, PDF e e-mail
  • Terroristas supostamente adquiriram componentes para fabricar bombas e outras armas
  • Sete pessoas acusadas de tramar ataques terroristas ou tentativa de participar de atividades terroristas
  • O risco de ataques terroristas na Dinamarca é considerado "sério"

Serviço Dinamarquês de Segurança e Inteligência (PET) divulgou um comunicado anunciando que sete pessoas foram detidas pela polícia alemã e dinamarquesa por supostamente fabricar dispositivos explosivos e planejar ataques terroristas.

Todos os suspeitos presos foram acusados ​​de planejar um ou mais ataques terroristas ou de tentativa de participação no terrorismo.

Os homens teriam adquirido componentes para fabricar bombas e outras armas, disse o comunicado.

A polícia na região da Zelândia Central e Ocidental da Dinamarca - onde fica a capital Copenhague - deteve seis dos homens em batidas entre 6 e 8 de fevereiro. O outro suspeito do grupo foi detido na Alemanha.

”O Serviço Dinamarquês de Segurança e Inteligência leva esse tipo de caso muito a sério. É nossa opinião que existem pessoas com intenção e capacidade para cometer ataques terroristas na Dinamarca ”, afirmou o porta-voz do PET.

O responsável acrescentou que o risco de ataques terroristas na Dinamarca é considerado “grave” e que as detenções não alterariam o atual nível de ameaça do estado.

A polícia dinamarquesa e oficiais de inteligência devem dar uma entrevista coletiva na manhã de sexta-feira.

Imprimir amigável, PDF e e-mail
>